×
Grupo no Whatsapp Online DDD 011?

Nome do grupo para WhatsApp:

Online DDD 011?

Categoria do link de grupo para WhatsApp:

Outros

Infomações do grupo para WhatsApp:

Link de Grupo no WhatsApp postado em 11/03/2019;
150 visualizações;
Pontuação de 100pontos.

Descrição do grupo para WhatsApp:

Encontrar novas amizades e quem sabe o amor verdadeiro. Somente DDD 011 São Paulo.

Grupos para WhatsApp App Baixar

Grupos no WhatsApp relacionados:

<<<Fim Do Mundo>>>

<<<Fim Do Mundo>>>

Pode quase todo

SANGA E CIA ??      +18?

SANGA E CIA ?? +18?

Pesca. Somente assuntos de pesca

Escravo Sexual ???

Escravo Sexual ???

grupo só para mulheres q adora explora os cornos

Teenage gangsters????

Teenage gangsters????

Tudo liberado

??Đę Ţůđø & Pøůcø??

??Đę Ţůđø & Pøůcø??

Rəgrąs⚠ ✅TEM Que Ter o Cntt dos ADM salvo?? ☑Apresentar com foto?... ☑Respeitar a Sexualidade do Outro? ☑E Ser Ativo(a) Se ñ vai levar ban? ❌ Não pode divulgar outros grupos se não leva ban ❌ Proibido exagero de figurinhas, ou figurinhas desnecessárias

Novas amizades ??

Novas amizades ??

Lgbt + Figurinhas

Últimas nóticias

Fonte: Logo do G1
Menino de 4 anos morre após se afogar em balde com água em Rio Branco
Caso ocorreu na tarde desta quinta-feira (18), no bairro Santa Inês. Um menino de 4 anos morreu após se afogar em um balde com água na tarde desta quinta-feira (18). O balde estava dentro do banheiro da casa, na Rua José Luiz, bairro Santa Inês, em Rio Branco. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e a Polícia Militar do Acre (PM-AC) atenderam a ocorrência. Uma equipe da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) também esteve na casa. O delegado Martin Hessel falou que ainda não conversou com a equipe para saber como a criança morreu. Ele acrescentou que o caso só vai ser investigado pela DHPP se houver indícios de que a morte foi intencional, caso contrário, as investigações ficam sob a responsabilidade da Delegacia da 2ª Regional. Afogamento A PM-AC relatou que a criança estava no banheiro da casa com a mãe. A mulher preparava o banho para o filho e o marido, quando precisou sair para outro cômodo. Após alguns minutos, a mãe retornou e encontrou o filho dentro balde, com o tronco na água e as pernas para fora. Quando chegou na casa, o Samu disse que o pai estava com o filho no colo. A equipe fez os primeiros atendimentos, mas a criança já estava morta. Uma equipe da perícia técnica foi acionada para apurar os fatos.
Médica chama polícia após flagrar homem sem CRM em hospital no interior do AC
Homem foi levado a delegacia e disse que se formou na Bolívia, mas não tem CRM. Saúde e CRM acompanham o caso. Um homem foi levado para delegacia de Feijó, interior do Acre, após ser flagrado dentro do centro cirúrgico do hospital da cidade. Segundo a polícia, ele não tem CRM e ajudava em uma cesariana a pedido de um médico da unidade. A denúncia foi feita por uma médica do hospital, que flagrou a situação. O caso ocorreu no último dia 13. O médico que teria feito o convite também foi levado para delegacia. Os dois foram liberados. Em nota, a Secretaria de Saúde do Acre (Sesacre) afirmou que instaurou um processo administrativo, juntamente com o Conselho Regional de Medicina (CRM) para apurar as irregularidade. A Polícia Civil também investiga o caso. Denúncia A Polícia Militar do Acre (PM-AC) relatou que a médica chamou a equipe após encontrar o homem, que não tem CRM e nem trabalha no hospital, dentro do centro cirúrgico ajudando em uma cesariana. Ao chegar no local, a polícia foi informada que o suspeito tinha sido convidado pelo médico responsável pelo procedimento. Ao G1, o delegado Valdinei Soares, responsável pela delegacia de Feijó, contou que as informações repassadas até o momento são de que suspeito seria formado na Bolívia, mas não tem autorização para atuar no Brasil. "Ainda vou ouvir as pessoas, mas a princípio é isso mesmo. Foram liberados com o compromisso de comparecer em data futura a respeito dos fatos", reforçou. Soares disse que o homem pode responder por exercício ilegal da medicina. Sobre o médico que estava com o suspeito, o delegado afirmou que ele pode responder administrativamente. "Não sei se é da cidade. O médico está levando ele para consultórios para pegar a prática da medicina. Ainda vou ver o enquadramento dele no caso, mas sei que o outro vai responder por exercício ilegal da medicina", concluiu.
Categorias

Zueira e Diversão

Grupos para WhatsApp de Zueira e Diversão

Músicas e Vídeos

Grupos para WhatsApp de Músicas e Vídeos

Fã clubes e Famosos

Grupos para WhatsApp de Fã clubes e Famosos

Series e Filmes

Grupos para WhatsApp de Series e Filmes

Esportes

Grupos para WhatsApp de Esportes

Carros e Motos

Grupos para WhatsApp de Carros e Motos

Todo o Brasil

Grupos para WhatsApp de Todo o Brasil

Vendas e Trocas

Grupos para WhatsApp de Vendas e Trocas

Animes

Grupos para WhatsApp de Animes

LGBT+

Grupos para WhatsApp de LGBT+

Outros

Grupos para WhatsApp de Outros

Jogos

Grupos para WhatsApp de Jogos

Religioso

Grupos para WhatsApp de Religioso